Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

dear cinema

Críticas simples e curtas.

Up in the Air (2009)

por rita ralha, em 27.01.10

Jason Reitman revela-se, mais uma vez, um mestre na criação da receita perfeita:

- pegar num tema actual (e banal até),- relatá-lo eloquentemente, preenchendo-lo de testemunhos verdadeiramente sentidos,- inseri-lo no  contexto social e económico mais adequado de sempre (sorte, talvez, mas who cares?),- escolher para protagonista o cada vez mais aperfeiçoado George Clooney, acompanhado por uma Ana Kendrick absolutamente assombrosa (Oscar, please),- e enrolar tudo perfeitamente num clima de verdades e realidades previsíveis, habilmente salvas pelo charme encantador do conforto que é saber que, na realidade, somos todos warm fuzzy bears e tudo o que queremos na vida é companhia e amor humano.

Excelente filme. Clap clap (de pé).9/10

2 comentários

Comentar post