Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

dear cinema

Críticas simples e curtas.

Doubt (2008)

por rita ralha, em 16.02.09

doubt.jpg

 

Nas palavras [não expressas, mas quase decerto sentidas] da nossa querida amiga Caroca, este filme é uma seca. É verdade, eu concordo. Ou não tivesse eu demorado 4 dias para o ver por inteiro. No entanto, é seca, mas é impossível de parar de vê-lo a meio. Tanto porque a vontade de descobrir o que realmente se passou é imensa, como porque a Meryl Streep está com uma cara que mete medo ao menino Jesus e de certeza que vai assombrar os sonhos de quem ousar não ver o filme até ao fim.

 

É claro que, fora esta refilice, Doubt reune um elenco de classe e é um privilégio poder ver tanta gente com talento para dar e vender no mesmo filme (aliás, na mesma sala praticamente, dado que eles se mexem pouco…).

 

***/****

1 comentário

Comentar post